Como pavimentar um pátio

84% of 100%

Frequentemente, um pátio forma uma extensão da divisão que lhe fica adjacente. Pode usá-lo para ter um recanto onde se sentar, ou para guardar a sua moto ou bicicleta. É também um elemento importante na imagem da sua casa.

O que deve verificar?
O pátio deve estar perfeitamente nivelado, sem presença de irregularidades, buracos ou lombas. Aplanar o pátio não é o mesmo que nivelá-lo. Se o pátio for perfeitamente plano, as poças de água não irão desaparecer depois da chuva ou de o lavar com água. O pátio deve ter sempre uma ligeira inclinação.

 

  1. Qual deve ser a inclinação?

    A água da chuva deve ser rapidamente drenada para fora do pátio. Uma inclinação de 2 cm por metro costuma ser adequada. Será suficiente para que a água deslize para o jardim ou para a rua.

  2. Marcar as bordas

    Para começar, terá de marcar as bordas do pátio com postes pequenos e um fio. Enterre os postes no chão verticalmente, com intervalos de um metro. Uma profundidade de 25 a 30 cm costuma ser adequada. Se deseja que o pátio se prolongue até uma porta exterior, a parte mais elevada do pátio deve ser pelo menos 3 cm mais baixa do que o degrau da porta.

  3. Definir a inclinação

    Para encontrar a inclinação do pátio, será necessário definir um ponto fixo. Com um nível de bolha e uma tábua reta, marque este ponto no poste que se encontre mais próximo da casa. Fixe a corda a essa altura no primeiro poste e vá baixando 2 cm para cada um dos seguintes postes. Depois, coloque as tábuas das bordas, acompanhando a corda à altura marcada.

  4. Pavimentar sobre uma camada de areia

    Se deseja pavimentar o pátio sobre uma camada de areia, esta deverá ter 10 cm de profundidade. Distribua a areia por toda a superfície, de modo a ficar muito ligeiramente por cima das tábuas das bordas. Depois, espalhe pela base de areia uma camada de cimento em pó de 2 mm para estabilizar. Alise esta camada e calque a camada de areia para que fique firme. Por fim, alise a superfície com uma tábua reta.

  5. Colocar o pavimento

    Sem pisar a camada de areia, coloque as lajes de modo a ficarem planas e em linha reta. As lajes devem encaixar perfeitamente entre si e permanecer firmes depois de colocadas. A segunda fila de lajes deve sobrepor-se em meia laje com a primeira fila, para criar um padrão entrelaçado regular. Se calcular previamente quantas meias lajes são necessárias, pode evitar cortar lajes em excesso. Para cortar as lajes, é aconselhável utilizar uma rebarbadora com disco de corte para pedra ou disco de diamante com diâmetro adequado. Quando trabalhar com uma rebarbadora, utilize óculos de proteção, proteções para os ouvidos e luvas de trabalho.

  6. Muros laterais

    Depois de colocar todas as lajes, remate os lados com proteções de tijolo ou betão. Depois disso, pode tapar os lados do pátio com terra do jardim.

  7. Calçada

    Se pretende um pátio robusto com ares rústicos, pode optar por utilizar diversos tipos de calçada em vez de lajes. A calçada pode ser de pedra ou betão, estando disponível em diversas cores. O número de peças necessário também depende do tipo de pedra. Pode colocar as pedras num padrão paralelo, ou num ângulo de 45°. Na segunda opção, irá precisar de mais pedras. Também pode utilizar outros padrões: espinha a 45° ou 90°, parquê, aleatório, meia laje, etc.

  8. Areia estabilizada

    Se deseja um pátio ou caminho de acesso realmente forte, pode colocar as pedras numa camada de areia estabilizada. Este material é uma mistura de areia e cimento em proporções fixas. Para pátios, deve usar 150 kg/m³ de mistura; para caminhos de acesso, use 200 kg/m³. Pode fazer a mistura de areia estabilizada você mesmo. Nesse caso, as proporções são de 1:4 e 1:5, respetivamente. Isto significa uma parte (pás ou sacos) de cimento por 4-5 partes de areia. Se precisa de uma quantidade maior, deverá alugar uma betoneira.

  9. Colocar a calçada

    Sem pisar a camada de areia, coloque as pedras da calçada de forma reta nos seus lugares, certificando-se de que encaixam perfeitamente. Com um martelo de borracha, dê pancadas suaves para colocar as pedras à altura correta. Dê as pancadas nas bordas das pedras e não no centro, para evitar que se partam. Se uma pedra ficar demasiado alta ou demasiado baixa, retire-a e coloque um pouco de areia por baixo. Depois, volte a colocar a pedra e coloque-a no sítio com suaves pancadas do martelo de borracha.

  10. Fila a fila

    Coloque as pedras fila a fila e, antes de iniciar uma nova fila, alise a areia à altura adequada. Durante o trabalho, verifique em diferentes perspetivas se o pátio está bem nivelado e se o padrão das pedras está reto e regular. Depois, corte as pedras das bordas laterais à medida adequada. Utilize uma rebarbadora com disco de corte para pedra ou disco de diamante com diâmetro adequado.

  11. Placa vibratória compactadora

    Se está a fazer um caminho de acesso e a calçada deve suportar o peso de um automóvel, terá de compactá-la com uma placa vibratória. Também pode utilizar a placa vibratória para compactar a camada de areia antes de colocar a calçada. Depois de nivelar e compactar a camada de areia, poderá colocar as pedras com o padrão desejado. Quando terminar de colocar todas as pedras, pode compactar a calçada com a placa vibratória. Este método de trabalho é muito mais rápido do que martelar cada pedra individualmente.

  12. Espalhar a areia

    Depois de terminar o pátio ou caminho de acesso, espalhe por cima uma quantidade generosa de areia prateada. Com uma vassoura, varra a areia para que penetre nos espaços. Este trabalho pode ser demorado, mas vale a pena fazê-lo com cuidado. A calçada ficará mais fixa e dificultará o crescimento de ervas daninhas nos espaços entre as pedras. Passados alguns dias, quando todos os espaços estiverem cheios, retire o excesso de areia com a vassoura.

Classificação

Classifique estas instruções passo a passo.

Como pavimentar um pátio

4.2
4.2 of 5

269 total

  • 5
    151
  • 4
    73
  • 3
    15
  • 2
    8
  • 1
    22