Como instalar um detetor de fumo

74% of 100%

Sentir-se em casa também significa sentir segurança. Um detetor de fumo pode ajudar. Em caso de incêndio, são libertadas substâncias perigosas, como o monóxido de carbono. Estas substâncias são invisíveis e inodoras, podendo causar incapacitação, especialmente à noite. Por isso, é uma boa ideia instalar detetores de fumo para proteger a sua família. Estes instrumentos irão avisá-lo da presença de fogo, para que possa combatê-lo atempadamente ou fugir. 

  1. Como funciona um detetor de fumo?

    Um detetor de fumo emite um sinal de alarme ao detetar a presença de fumo ou gás, o que significa que responde ao incêndio de forma indireta. Existem detetores que atuam perante o calor ou a luz. Para uso doméstico, os detetores de fumo são os mais utilizados.

  2. Em caso de alarme

    • Chame os bombeiros ou ligue para o número de emergência.
    • Feche todas as portas e janelas da divisão na qual o incêndio deflagrou.
    • Não abra portas fechadas se estas estiverem quentes.
    • Tente ajudar todas as pessoas a escapar de forma segura do foco de incêndio.
    • Pegue num pano molhado e apoie-o sobre a sua boca e nariz. Não inale o fumo.
    • Mantenha-se numa posição baixa e próxima do chão; é aí que a temperatura é mais baixa e onde se concentra uma menor quantidade de fumo e gases perigosos.

  3. Locais não adequados para um detetor de fumo

    Existem diversos locais onde não deve instalar um detetor de fumo, devido à possibilidade de causar falsos alarmes:
    • Locais onde ocorra produção de vapor, como na cozinha ou na casa de banho.
    • Próximo de uma abertura para ventilação, radiador ou outros aparelhos que produzam calor. Nestes locais, a convecção do ar pode evitar que o fumo atinja o detetor.
    • Na garagem, porque os gases de escape podem provocar falsos alarmes.
    • Próximo de lâmpadas. O detetor de fumo pode ficar contaminado com pó, em resultado da convecção do ar provocada pelo calor da lâmpada. Os detetores de fumo devem ser instalados a uma distância mínima de 30 cm das lâmpadas.

  4. Detetor de fumo na via de evacuação

    Os detetores de fumo devem ser instalados nas vias de evacuação da casa. Isso irá ajudar a encontrar o caminho para sair de casa. O melhor local para instalar um detetor de fumo é no teto. Os detetores de fumos são habitualmente instalados em divisões como sala de estar, entrada, escadas para o sótão, cozinha ou garagem em anexo. Se a sua casa tiver mais de um andar, deverá instalar um detetor de fumo em todos eles. É importante que o sinal de alarme dos detetores de fumo seja audível nos quartos. Se tiver vários detetores de fumo, será conveniente que estejam interligados.

  5. Instalação

    Retire a cobertura e segure o detetor de fumo contra o teto. Marque no teto as posições para os furos a fazer. Faça as perfurações à profundidade desejada, utilizando uma broca de 6 mm para alvenaria ou madeira, e coloque as buchas nos orifícios. Se o teto for falso, será necessário utilizar buchas específicas. Aparafuse o detetor de fumo ao teto na posição indicada. Se o detetor for de alimentação elétrica, terá de ligar a alimentação de acordo com as instruções. A melhor posição para o detetor de fumo é no centro da divisão.

  6. Ativar o detetor de fumo

    Coloque as pilhas no respetivo compartimento e tape-o. Prima o botão de teste para verificar se o detetor está a funcionar. Não se esqueça de substituir as pilhas quando necessário! Todos os detetores de fumo possuem um sinal de aviso para indicar que as pilhas estão a ficar sem carga.

  7. Sugestão

    Não elimine as pilhas usadas juntamente com o lixo doméstico; entregue-as num centro de reciclagem. Também pode utilizar pilhas recarregáveis de boa qualidade.

Classificação

Classifique estas instruções passo a passo.

Como instalar um detetor de fumo

3.7
3.7 of 5

45 total

  • 5
    16
  • 4
    14
  • 3
    5
  • 2
    3
  • 1
    7